Concursos relativos a Medicina Hospitalar

segunda-feira, 01 junho 2020 15:13

paciência (*): por RA

Este é o reporte gráfico da situação da covid-19 em Portugal no dia 1 de junho

usando dados da Direção Geral da Saúde

Mais uma vez, envio gráficos e tabelas que facilitam a observação dos dados diariamente publicados e explicados nas conferências de imprensa do Ministério da Saúde e da sua Direção-Geral – uma prestação que muitos seguem e um monumento à paciência de Marta Temido e de Graça Freitas, quando os jornalistas parecem querer testar também a nossa.

As curvas de novos casos e de óbitos diários, modeladas pelas médias móveis, não parecem mostrar agravamentos significativos devidos ao desconfinamento (4 de maio). 

_____________________________________________________________________________________________________________________________________________

O afastamento das curvas de casos e de “ativos” (casos menos os óbitos, menos os curados), depois de um ressalto devido a acerto de registos, parece mostrar um aumento moderado (mais 11,2% do que em 24 de maio). 

__________________________________________________________________________________________________________________________________________________

* Pordata, 2018

Considerando a distribuição de casos por 1000 habitantes, o top 5 de municípios continua a não incluir os mais populosos. O município de Lisboa, muito falado a propósito do recente acréscimo de casos na região, mantém-se em 8.º lugar apesar de ser o que tem mais casos e mais habitantes. 

___________________________________________________________________________________________________________________________

 Considerando as regiões (agora com as populações do Censo 2011), o Norte continua a destacar-se tanto em nº de casos como de óbitos. 

____________________________________________________________________________________________________________________

A letalidade (que é apenas um indicador de proporção) aponta para uma maior gravidade nos homens do que nas mulheres.

________________________________________________________________________________________________________________________

 Apesar do número de casos positivos predominar nos adultos jovens, o n.º de óbitos é nitidamente superior nos adultos mais velhos (86% com 70 ou mais anos).

_____________________________________________________________________________________________________________________________

As diferenças entre homens e mulheres são, no cômputo geral, pequenas tanto em número de casos covid-19 como em número de óbitos por/com covid-19

_____________________________________________________________________________________________________________________________

A mortalidade geral (todas as causas) mantém-se próxima dos registos dos últimos anos. 

 

“Calma aí……evitar contágios continua a ser essencial"

(*) “Paciência” é uma canção de Mafalda Veiga e João Pedro Pais

 

 

 

Publicado em Outra informação

Pesquisar por texto

Informação por datas

« Outubro 2020 »
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
      1 2 3 4
5 6 7 8 9 10 11
12 13 14 15 16 17 18
19 20 21 22 23 24 25
26 27 28 29 30 31  
 
 
 

EU privacy directive